Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Introspecção II

Sexta-feira, 21.08.09

O pensamento beija cada momento em que penso em ti

Em cada letra as lágrimas são de rendição

Em cada palavra não proferida, uma tempestade

de uma emoção que a custo contenho

Nesta proibição que me impus e não consigo aplicar.

 

Danço ao som do vento e o mar lá em baixo

Geme a sua longa dor, nas cores vibrantes

De mais um fim de tarde

Um anjo brinca comigo, gato e rato,

esconde-esconde, nas saias da mãe

Crianças a fazer construções na areia,

Delírio de sonhos de adultos a imaginar

Que a vida se move apenas aqui.

Figuras contempladas por olhos frios

de pássaros que gritam a sua liberdade.

E o altifalante rouco que me atropela

os ouvidos no meio do extenso areal.

A capela fica ali no meio do Oceano,

tão perto… que a toco com os olhos da mente.

Suavemente o mar agita o seu terno abraço,

nesta oração diária.

Escarpada esta inusitada e abstracta imagem

que me percorre o corpo, numa sensação

de arrepio delirante de saudade.!

 

Beijo cada momento em que penso em ti

Em cada frase escrevo um apelo que não lês.

Fico a mitigar a mágoa para ultrapassar este dia tão nosso.

E…imagino teu rosto desenhado nas nuvens distantes.

 

 Autora: Airam Vieira

Autoria e outros dados (tags, etc)





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Novembro 2011

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930