Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Tu não sabes

Quarta-feira, 08.06.11

 

Tu não sabes que penso em ti.

O espaço é silêncio

e com os pássaros voo

todos os dias na minha estrada

de olhos acesos neste mundo

de incógnitas.

As saudades... efeito tranquilo

dão-me asas coloridas.

pinto-as deste modo

simples nos olhos de quem me lê.

Tu não sabes que penso em ti

Papel amarrotado num dia perfeito.

Contudo, falta a imagem

do sorriso ao meu brinde

fim de tarde.

Fim de tarde não...

Porque a noite vem

suspeita de ser mais uma

nova lua, em que

a imaginação sente frio

deste continuo percurso

em que tu não sabes...

o quanto eu penso em ti.

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Maria às 00:30


3 comentários

De Lyra a 06.08.2011 às 15:16

"Cada novo amigo que ganhamos no decorrer da vida aperfeiçoa-nos e enriquece-nos, não tanto pelo que nos dá, mas pelo que nos revela de nós mesmos. Enquanto o amor passa, a amizade volta, mesmo depois de ter adormecido um certo tempo."

Já tinha saudades.
Beijinhos e até breve!

Lyra ;)

De poetazarolho a 15.08.2011 às 23:49

“Sem alma”

Podes perder a tua calma
No meio de uma confusão
Mas nunca percas a alma
Nem da alma abras mão

É que uma alma vendida
Nem que fora por um milhão
É como uma alma perdida
No meio de uma multidão

Pior que uma alma errante
Vagueando, ó triste destino
É uma alma de alma despida

Usando um traje cintilante
Debruado com ouro fino
Por haver sido corrompida.

De poetazarolho a 24.08.2011 às 23:28

“Triunfo”

O mais é importante triunfar
Comunicando assertivamente
Contando mentiras à gente
Ou mesmo sem comunicar

Contam connosco seguramente
Que nós vamos comer e calar
Para que tenham triunfo impar
Pois que quem cala consente

Quando chegarem triunfantes
Lembrem-se dos que calaram
Dos que comeram sem comer

E por vós seguiram confiantes
Que sem acreditar acreditaram
Dando-vos o triunfo por sofrer.

Comentar post





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Junho 2011

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930