Quinta-feira, 25 de Janeiro de 2007

Revelação

Que choro é este?

Componho o meu pesar

Como se da morte se tratasse

Alquimia que me instiga

Na noite mágica, perdida.

 

Que choro é este?

Deambulo por entre arvores,

Despidas, que são meus abraços

Carreiros de água pardacenta

Na visão turva da vida.

 

Que choro é este?

Sussurro que não luto mais,

 não dou mais um passo

Neste vácuo vertiginoso

Da prisão da minha vida.

 

Que choro é este?

Doce e sem glória, um mundo

Numa infinidade de espaço

Sideral, que jogo no caminho

Impetuoso do amor.

 

Que choro é este?

 Medo do antídoto

Que se ergue como espada

Ferido pela ilusão da revelação

De uma sintonia perfeita..

 

Que choro é este, pergunto?

Ao meu ardente coração…

 

sinto-me: Como uma tempestade
música: Wheather Storm (Graig Armmstrong)
publicado por Maria às 23:56

link do post | comentar | favorito
10 comentários:
De -›¦‹-Sombras-›¦‹- a 26 de Janeiro de 2007 às 02:51
Muito lindo este teu sentido poema! Desejo-te um bom resto de semana e um fim de semana ainda melhor! Beijinhos, mil
De Paulo a 26 de Janeiro de 2007 às 21:51
O choro é como o riso, limpa a alma, até podemos chorar de tanto rir. Mas este teu lindo poema mostra o choro da desilusão d'amor. Deves perder-te no amor, nunca perder o amor.
De Kica a 26 de Janeiro de 2007 às 22:56
olá maria desclupa a invasão mas visito regularmente um blog amigo e vejo lá teu endereço e deu curiosidade em vir aqui vesitar ....
Choro é a lagem de nossa alma ....
Alivio de nossas tristezas....
Deitar fora o que nos machuca por dentro....
Chora-se de tristeza...
Chora-se de dor....
Mas faz-se a limpeza .....
Alivia-se nosso pesar.....
Beijos e adorei teu cantinho tá magnifico ....kica...
De sonho a 26 de Janeiro de 2007 às 23:50
Não é a dor que quero entender (essa dói e pronto), mas esse mistério de duas almas que não se tocam no físico e têm quase uma unidade na imortalidade.

espero que gostes maria,desculpa a minha ausencia,mas estive a preparar os site..

beijinhos minha amiga o egoismo...

sonho
De sonhador a 26 de Janeiro de 2007 às 23:52
Não é a dor que quero entender (essa dói e pronto), mas esse mistério de duas almas que não se tocam no físico e têm quase uma unidade na imortalidade.

espero que gostes maria,desculpa a minha ausencia,mas estive a preparar os site..

beijinhos minha amiga desculpa o egoismo...

sonho
nota:desculpa que o primeiro comentário faltava contiudo.
para ver o site basta clicares aonde diz sonho.
De jamour a 27 de Janeiro de 2007 às 11:28
"carrego-te nos braços, limpo-te as lágrimas, beijo-te demoramente no rosto, afago-te a alma, sente-me... Sinto-te" Jamour :) muito lindo
De sonho a 28 de Janeiro de 2007 às 23:03
querida hoje resolvi te visitar de novo,mas vou-te confessar uma coisa posso?

não gostei do post linda,estas triste?

que choro e esse?

por quem choras?

vá la linda não te quero ver assim triste.
espero pelas respostas..
deixo-te um beijinhos de amizade e ternura.
sonho
De Secreta a 29 de Janeiro de 2007 às 10:31
Será o choro de um coração que ama e sofre por esse amor ?
Lindas palavras.
Beijito.
De TiBéu ( Isa) a 29 de Janeiro de 2007 às 14:32
Quando o nosso coração chora, qualquer coisa não está bem e quando chora em silencio, ai ai doi tanto.
Maria desejo que o teu coração só chore de alegria e desejo-te uma boa semana-bj
De Nelson Ngungu Rossano a 1 de Fevereiro de 2007 às 00:47
Gostei muito de conhecer este blog!
Quanto à revelação apenas demonstra o choro da verdadeira essência da mulher como Ser Sensível.

Comentar post

.mais sobre mim

.Novembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.arquivos

. Novembro 2011

. Junho 2011

. Fevereiro 2011

. Outubro 2010

. Julho 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

.posts recentes

. Doce Natureza

. Trocadilho

. Espaço sentido

. Tu não sabes

. Hino à amizade

. Reviver um sonho

. Horizonte do sonho

. Memorias

. Paradoxo

. Introspecção II

.links

.favorito

. Um amor… Um coração… Uma ...

. A ti que me lês...

. por toda a cidade...

.favorito

. Um amor… Um coração… Uma ...

. A ti que me lês...

. por toda a cidade...

.tags

. amo-te

. amor

. ausência

. blog 5 estrelas

. dia de namorar

. doce

. doente

. enviado por um amigo

. foto da maria rosmaninho

. foto da net

. foto da net (a.leitão)

. foto da net rui cunha

. foto de ricardo almeida

. foto tirada da net pelo meu amigo angel

. foto tirada por mim

. fotos da net

. fui nomeada paty para as sete maravilhas

. ideia

. joaninha

. mãe

. mar

. minha autoria

. morte

. natal

. nostalgia

. pintura de uma amiga

. poema da minha autoria

. por-do-sol na madeira

. saudades

. saudades...

. silêncio

. simpatia

. tu

. vamo-nos conhecer um pouco melhor

. vida

. todas as tags

blogs SAPO